A Presença de Maria Madalena na Terra e a História da Sagrada União.

A Presença de Maria Madalena na Terra e a História da Sagrada União.

Por EraOfLight – Tradução de Annah Ananda.

Foi Maria Madalena quem levou a energia e os ensinamentos da Consciência Crística para a Europa Ocidental através da França.

Quando Maria Madalena se estabeleceu na França, ela começou o trabalho de manter a Luz Crística por meio de sua presença como parte da energia da “Chama Gêmea” Crística, bem como compartilhar a energia da mensagem dos ensinamentos da Consciência Crística. Esta mensagem básica era Paz, Abundância e Amor Incondicional, e o conhecimento de que chegaria um tempo em que a Terra seria preenchida com uma espécie de Humanos que carregaria a Consciência Crística e que manifestaria a Idade de Ouro de Paz e Harmonia. Para compartilhar a energia e os ensinamentos, Maria Madalena viajou muito e trabalhou como Professora e Líder. A herança da Liderança Espiritual Feminina e da Beleza Divina que era sua energia ainda perdura na tradição do “Amor cortês” e na herança dos Trovadores, músicos e poetas que celebraram as alegrias do amor cortês e a beleza radiante da Senhora.

É claro que, depois das cruzadas católicas e da inquisição, muito pouco restou dessa herança, e as energias do “amor cortês” e as histórias do “Santo Graal” são mal recebidas e compreendidas pelos estudiosos hoje. Em sua forma mais simples, essa é a essência do que Maria Madalena trouxe para a França.

Ela ensinou sua compreensão da União da Chama Sagrada ou Gêmea como um modelo para a União Sagrada. Ela sabia que esta forma de “Casamento Espiritual”, baseada no Serviço da Luz, se tornaria um padrão ou Modelo para relacionamento e união na Idade de Ouro que se aproximava, ou como diríamos, a “Nova Terra”.

Ela também ensinou que o próprio corpo humano era o “Santo Graal”, o recipiente ou recipiente da Alma e do Espírito e da Essência Divina de Deus. Quando a Consciência dentro do Vaso Sagrado da Matéria era de uma vibração suficientemente alta, então essa Matéria seria transmutada em Luz Angélica e o Ser Humano se tornaria um Anjo Humano. O Anjo Humano teria uma aura ou corpo energético de Luz Dourada, eles realmente se tornariam o Cálice Dourado ou “Santo Graal”.

Em seus ensinamentos, todo ser humano era capaz de elevar a consciência ao nível em que essa transmutação angélica fosse possível. Mas, ela sabia que levaria tempo para esta frequência vibracional entrar na Consciência Coletiva, e para os Humanos evoluir o suficiente para serem capazes de manter esta Luz Dourada da Consciência Divina dentro do Cálice Humano. Na verdade, levaria dois mil anos antes que houvesse humanos suficientes para povoar o Planeta, e que esses humanos tivessem se desenvolvido o suficiente para serem capazes de criar uma maneira de se tornarem um único Coração e Mente Planetários, de modo que todo o Planeta pudesse ser elevado à Luz Dourada e que o próprio Planeta possa se tornar um Graal de Luz Dourada.

Maria Madalena sabia que haveria energias e forças que trabalhariam contra a nova evolução da Consciência, mas ela sabia também que seus ensinamentos e sua energia sobreviveriam neste lugar, e que seriam levados ao Novo Mundo quando chegasse a hora para os humanos migrarem através dos Oceanos da Europa Ocidental e descobrirem a “família” da Humanidade nos Povos Indígenas do Planeta que ainda mantinham os ensinamentos da Terra Sagrada. Ela sabia que, quando chegasse o momento certo, esses ensinamentos da Terra Sagrada seriam compartilhados com os povos do Ocidente, e que isso os ajudaria a elevar sua consciência e a aprender como se tornar zeladores do Planeta nesta nova Idade de Ouro.

E assim, como seu legado para este processo de transformação, ela deixou os ensinamentos da Chama Gêmea e da União Sagrada. Ela sabia que isso seria necessário neste momento de mudança de Consciência, pois a energia Masculina que era necessária para povoar o Planeta teria vindo a dominar a tal ponto que seria necessário trazer de volta a energia Feminina e criar o equilíbrio precisava criar a verdadeira “União Sagrada” e implementar a Grade Dourada da União da Chama Gêmea que manteria o Padrão Geométrico ou Modelo para a Energia Dourada do Amor da Chama Gêmea. Mas, como Mulher Sábia, Maria Madalena também sabia da importância de trabalhar com as energias Elementais e respeitar as energias da Natureza.

A “Consciência Crística” ensinada por Maria Madalena está assentada no Coração. É o Coração que carrega as Freqüências Mais Elevadas de Amor, Alegria e Paz, e é somente abrindo o Coração que podemos alcançar a Consciência do Graal dentro de nós e então estar prontos para compartilhar isso com os outros.

Celia Fenn / junho de 2021

© 2006-19 Celia Fenn e Starchild Global http://www.starchildglobal.com – Você é livre para copiar, distribuir, exibir e executar o trabalho nas seguintes condições: Você deve dar crédito ao autor, você não pode usar isso para fins comerciais, e você não pode alterar, transformar ou ampliar esta obra. Para qualquer reutilização ou distribuição, você deve deixar claro para os outros os termos da licença desta obra. Qualquer uma dessas condições pode ser dispensada se você obter permissão do detentor dos direitos autorais. Qualquer outro propósito de uso deve ter permissão do autor.

Fonte: https://eraoflight.com
       Em  03 de junho de 2021.

1. Compartilhe com ética, postando o texto na íntegra e mantendo todos os créditos do Projeto Ascensão Planetária: http://ascensaoplanetaria.com.br
2. Youtube = Ascensão Planetária
3. Instagram = @ascensaoplanetaria
4. Telegram = Grupo de Estudos
5. Facebook = Grupo no Facebook

Tags: | | |

Sobre o Autor

Annah Ananda
Annah Ananda

"É melhor conquistar a si mesmo do que vencer mil batalhas". BUDA

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *