Arcanjo Miguel: Ajuda para os tempos que virão.

Arcanjo Miguel: Ajuda para os tempos que virão.

Canalizado por Banda Schieb. Tradução de Annah Ananda.

AMADO! EU SOU O ARCANJO MIGUEL!

Hoje venho trazer para vocês uma nova visão, um novo momento, um momento de extrema delicadeza, um momento profundo de grande mudança. Você está nos implorando, você está nos pedindo, para que tudo aconteça rapidamente. Muitos pensam só em si mesmos, você quer sair dessa dimensão em que vive, não aguenta mais. Muitos pensam só neles, mas também pensam nos irmãos, que poderão ter acesso a tudo o que hoje não têm, que poderão viver uma vida com menos sofrimento, menos stress. E claro, há quem queira que tudo aconteça, mas ao mesmo tempo, quer que seja demorado o suficiente para não perder todos os prazeres e hábitos que têm nesta dimensão. Quem está errado? Quem está certo?

Não existe certo e errado, existe uma escolha para todos. Todos imaginam e emanam da maneira que desejam e, claro, cada forma tem uma consequência. As lições estão aí, acontecem a cada minuto, e todos neste ponto da jornada já devem ser capazes de identificá-las. Não adianta nos perguntarmos que lições ainda tenho que aprender; seria como se um professor fizesse o exame e você passasse com nota 10. Portanto, não pergunte. A pergunta deveria ser: “Como posso estar sempre ciente das lições que vão surgir, para não perdê-las?” Esta é a questão.

E eu também já tenho uma resposta: sendo cada vez mais, vibrando alto; ficando cada vez mais perto de nós mesmos. Pois quando isso acontecer, nós, seus Mestres, asseguremo-nos de que as lições sejam apresentadas a vocês, mas de forma luminosa, perceptível de todos os ângulos. E, claro, estaremos juntos então, para ajudá-lo a sair desta lição também. Então agora é a hora. O momento de observar, prestar atenção, identificar a lição e avançar nela. Não se trata de jogá-lo para baixo do tapete, fingir que não viu, achar que é um incompetente; é saber que chegou a hora de fazer uma grande escolha, de fazer uma grande decisão, de mudar as coisas várias vezes em sua vida.

E para quem realmente segue a Caminhada, as lições vêm rápido, porque é hora de limpar, é hora de deixar tudo para trás. Para quem ainda não está fazendo a Marcha do Relâmpago, pergunto: por que o medo, por que a resistência? Essa é a melhor forma para você transmutar tudo, para você encontrar o caminho para a eliminação dessa lição. Em seguida, apresente a lição aos Mestres na hora da meditação. Ele sairá da bolsa e você terá a ajuda deles então, para a transmutação.

Então, por que tanta resistência, por que tantas desculpas, por que jogar tudo de joelhos? “Sempre o outro é o complicado, o outro é o problema, porque simplesmente o outro não te colocou na mão, no joelho, o que fazer. Já disse aqui várias vezes, sai da rede. Aqueles que procuram, encontram. Aqueles que querem encontrar, nós os ajudamos. Porque se houver um sentimento profundo no seu coração de encontrar algo que o ajude, como num passe de mágica, nós o levaremos até você. Mas para isso, é claro, você tem que pedir nossa ajuda, tem que confiar que iremos ajudá-lo.

Então perceba que tudo tem o nosso envolvimento, tudo que você pode facilmente conseguir com a nossa ajuda. Mas para isso você tem que perguntar. Não se trata apenas de ter um problema e pensar que estamos à sua procura e que iremos ajudá-lo. Seu livre arbítrio nos impede de agir sem sua permissão. Então qual é o problema? O medo? Com medo de quê? Para descobrir o lado negro do seu caminho? Nenhum de vocês é 100% Luz, se fosse esse o caso, vocês estariam em outro plano, não estariam mais aqui na terceira dimensão, seriam como Mestres em dimensões muito elevadas.

Então, todo mundo tem sua porcentagem de sombra. Você não quer ver as sombras, por quê? Vocês são seres tridimensionais, e seres tridimensionais têm sombras, porque isso faz parte da jornada. Faz parte da jornada. Faz parte de colocar o pé na luz e colocar o pé nas sombras, então isso também é uma lição. Alguém lhe presenteia com uma fruta que você nunca comeu. Como você sabe qual é o gosto dessa fruta? Você só saberá se provar, então como saber o que é tonalidade? Você tem que pisar nele, você tem que saber o que é emanar não-luz, para que você possa tomar a decisão de não pisar de novo. Assim como uma fruta, se a fruta for saborosa, você vai comê-la indefinidamente, mas se não gostar,

Então, por que o medo das sombras? Por que o medo de descobrir que não é tão santo quanto pensa que é? Eu já disse isso aqui, todos vocês têm manchas em suas almas, todos sem exceção. Então, descobrir que você não é 100% Luz o aborrece muito? Isso te decepciona muito? Então eu pergunto: por quê? Foram outros tempos, outros caminhos, outras experiências. Você não está aqui para descobrir agora; se você não estivesse lá, você faria o mesmo. Portanto, não se julgue, não aponte o dedo para a sua alma. O que está feito está feito, não há como pegar uma borracha e apagá-la.

Então agora é a hora de transmutar tudo isso. Não, você não limpa nada, você não desfaz nada. Você transmuta sentimentos, energias emanadas; e cada um deles tem um preço e serve para fazer você perceber que você não deve repeti-los. Ao final da transmutação na marcha, a lição deve ser aprendida, para que você não repita a mesma lição nesta vida. Portanto, ver seu andar, ver o andar de sua alma, não é uma coisa fácil. Você tem que ser muito obstinado, pegar-se fazendo coisas que hoje você discrimina, que hoje você não aceita, mas que sua alma fez. Então eu te digo: por que esse julgamento?

E então você tem que expandir tudo o que você descobrir (que não foi tão bom) que suas almas fizeram, até hoje. Como você pode julgar um irmão que faz o mesmo? Você fez isso antes, agora. As eras se sucedem. Então ele não teve discernimento hoje para não cometer novamente aquele erro que cometeu naquela época, e sua alma amou o fruto e continua a comê-lo constantemente, cometendo o mesmo erro. Ele não foi capaz de perceber que não era bom para ele. Você o julga hoje, porque a alma dele hoje percebe que ela não pode mais cometer esse erro, mas você não pode julgá-lo, porque um dia você fez exatamente o que ele está fazendo hoje.

Portanto, meus irmãos, não tenham medo de nada, não tenham medo de saber o que vocês foram, o que vocês fizeram. Se hoje vocês abominam tudo o que suas almas uma vez fizeram, sejam gratos às suas almas, porque fizeram uma jornada evolutiva, de modo que hoje vocês recriminarão tudo; para que hoje você não repita; você não queira repetir. Então, ao invés de culpar suas almas, agradeça-lhes por trazê-los aqui hoje como seres do bem, como seres de luz, e não mais como seres presos em sentimentos de vibração muito baixa. Então, mais uma vez, eu te peço: Faça a caminhada do relâmpago, limpe-se de todas essas impurezas.

E agora temos que estar prontos para uma nova fase. E quando eu exorto você e todos os outros a fazerem essa limpeza de suas almas, é porque vocês já devem ter transmutado muitos sentimentos. Você deve aprender a parar de julgar, a condenar, a se rebelar, a parar de sentir ódio. Somente transmutando o que sua própria alma já fez você aprenderá isso. O que nós queremos? Queremos que você ouça todas as verdades e grite alto e bom som para o universo: “Obrigado, alma, porque hoje não sou capaz de fazer nenhuma dessas coisas. Não é julgar, não é rebelar-se, não é incitar os outros a se rebelarem. É simplesmente para ver que existem irmãos …, na verdade sim, eles são seus irmãos, porque todos vocês no universo o São;

No futuro, portanto, você terá que ser capaz de olhar para eles e compreender que não encontraram este caminho em que você está hoje, este caminho de Luz, este caminho que torna possível saber o que é bom e o que está errado, eles não o encontraram. Eles continuam a comer frutas de sabor ruim, porque têm gostado de viver fora da Luz; eles se adaptaram a este estilo de vida. E como eu falei há pouco: eles aplicam os testes, eles só existem, só provocam, “cai na rede quem quiser”.

Portanto, sejam gratos às suas almas, porque hoje vocês têm esse discernimento do que é bom e do que é mau, do que é luz e do que não é. Serão tempos difíceis para todos, incluindo você; mas vocês apenas têm que entrar em suas almas, entrar em seus casulos, entrar em seus tubos de proteção, entrar em sua armadura de Luz, entrar em todas as proteções que vocês conhecem e ficar lá. Crie uma grande caverna para cada um de vocês.

Esta caverna é pura Luz, tem apenas uma porta e, uma vez lá dentro, ninguém mais entra, a porta trava. Você pode sair a qualquer hora, mas ninguém pode abrir esta porta. Portanto, dentro desta caverna, você coloca todas as suas proteções. Crie-o no universo, mentalize esta caverna ao seu redor. E quando tudo começar a ser revelado, quando todas essas coisas começarem a afligir você, vá para aquela caverna e fique lá orando, mantendo sua alma e suas vibrações elevadas. Eu diria que isso não é fugir das verdades, porque você terá que conhecê-las. Fugir é fugir da lição. Será uma prova muito difícil e ninguém ficará isento de passar por essa prova, todos terão que saber a verdade.

Agora saiba disso e não pense sobre isso, vá para sua caverna e ore; ore muito por todos aqueles que não terão esta caverna para se esconder. Ore por aqueles que estarão desesperados, ore por aqueles que enlouquecerão, ore por aqueles que não resistirão; e você estará lá orando por eles. Então a atitude que você tem que ter é não comentar. Todos devem entender tudo isso à sua maneira. Não adianta querer fazer um…, reservar uma sala grande, fazer com que todos se sentem e pensem que você tem o direito de dizer tudo. Não. Cada um de vocês está em um momento de sua evolução, cada um de vocês está em um momento de sua jornada. Assim, cada um interpretará, viverá, sentirá do seu jeito. E eu acrescentaria que muitos não acreditarão em nada, porque eles estarão tão consumidos, tão envolvidos, com suas crenças e dogmas, que não acreditarão em nada. E você não vai acordá-los. Eles farão esta escolha: não ver a verdade, seguir a mentira. E não há nada que você possa fazer a respeito.

Esta é a caminhada desse irmão. O que vai acontecer com ele? Isso também não é problema seu. Cada um fará uma escolha, cada um escolherá acreditar e se aprofundar nas verdades, para poder mudar, ou simplesmente não acreditar em nada e se afastar de tudo. Portanto, a grande lição para você aí é ficar em silêncio. Não se trata de fazer piadinhas: “Veja, é isso que eu estava tentando mostrar a você! Veja, eu sabia a verdade e você não ouviu”. Não, nenhum de vocês vai dizer nada. No momento em que você receber esses irmãos, você saberá. Quando eles, eu repito, quando eles virão até você e pedirão ajuda.

Até que isso aconteça, você ficará em silêncio, não fará nada. Porque quando eles se abrem e olham para você lembrando que você está nesse caminho há muito tempo, e perguntam: “Você pode me ajudar?” Você pode me explicar?  Você pode me ajudar a sair disso tudo? Então essa será sua senha para ajudar este irmão. E então você pode falar, … falar, não doutriná-lo, não catequizá-lo, mas responder às suas perguntas. Não é você quem vai falar, ele vai perguntar e você vai responder. Não adianta enchê-lo de informações, porque ainda não está pronto para ouvir.

Então você será apenas um ouvinte, ele fará a pergunta e você responderá. É assim que você deve proceder. Quem fizer diferente terá problemas, porque as pessoas não estarão dispostas a ouvir nada de você. Eles ficarão com raiva, tristes, abalados; e você ainda quer confundir suas mentes? Eu garanto que você criará muitos problemas. Portanto, fique em silêncio. Sei que não é fácil para você, porque você sempre tem que impor sua opinião ao outro. Por isso também será uma lição, onde você permanecerá em silêncio, orando, emanando a Luz, dentro desta caverna. E quando alguém bate na porta e pede ajuda, então você sai da caverna e se senta para ouvir este irmão; o que ele tem que perguntar?

E então você pode ir aos poucos, contando tudo que você sempre soube. Mas eu te digo, a linha de tratamento será única: A marcha para a libertação. Não faz sentido você passar por todos os erros que os bandidos cometeram. Você apenas aumentará o ódio, a raiva e a revolta dessas pessoas ainda mais. O que você precisa falar é simplesmente sobre perdão. “É hora de você perdoar tudo isso. »Você quer se sentir melhor? Então, perdoe, perdoe a todos. Esta é a hora de perdoar, de pedir perdão.

É só sobre isso que você vai falar. Você vai ouvir, ouvir, ouvir e dizer: “Perdoe. Para se sentir melhor, você tem que perdoá-los”. E se a pessoa gritar: “Não posso”. Tudo bem, então quando você puder, continuaremos nossa conversa; e isso é tudo. Espero que você entenda totalmente o que estou dizendo e que conclua sua jornada dessa maneira. Não pode ser de outra forma, sem perdão não há conversa, não há explicação. Você tem que aprender a perdoar. Isso é tudo. E se ele perguntar: “Como posso perdoar?” É muita raiva, muita raiva”. Exatamente, deixe sair essa raiva; e explique-lhe que está zangado com algo que pensa estar errado, e realmente é, mas que sua alma foi sábia o suficiente para identificá-lo.

Portanto, é uma alma que precisa de amor, é uma alma que precisa de ajuda, não de julgamento. Isso é o que você tem que ensinar às pessoas, não julgamento. E diga-lhes que um dia, no caminho de suas almas, estas cometeram outras atrocidades, tanto quanto sabem. E fazê-los pensar que eles evoluíram, e que talvez essas almas que aqui estão expostas também o façam, um dia a caminho.

Então, meus irmãos, este é um assunto muito sério, e espero que vocês tenham entendido. Ninguém vai ensinar ninguém, o aprendizado deve ser feito por todos. Todo aquele que deseja saber a verdade, perguntará, buscará a verdade. Não adianta, você não pode jogar a história toda pra eles, vai ser demais pra eles, tem que ir devagar. E primeiro com o perdão, primeiro mostrando-lhes que não pode haver julgamento, que Deus Pai / Mãe não julga. Eles já aprenderam isso, que Deus Pai / Mãe não é aquele ser punitivo e vingativo, a quem aprenderam a amar e a temer. Portanto, insista que não há julgamento; existem escolhas e consequências.

A verdadeira história, profunda e nua, eles a procuram se quiserem. Você tem que dar apoio psicológico, apoio em sua jornada, e não contar histórias. Será sua ação. E de novo, repito: quando baterem à sua porta. Quando ninguém estiver batendo, fique em sua caverna, orando, emanando Luz para todo o planeta, para que todos tenham discernimento e possam pedir ajuda, para sair dessa situação. E quando eles baterem na porta de sua caverna, você a abrirá, e os ouvirá, e os guiará ao perdão e ao não julgamento.

EU SOU O ARCANJO MIGUEL! Coordeno todo este processo, em colaboração com Sananda. Não pare de fazer isso. O que acontecerá com aqueles que não o fizerem? Nada. Eles simplesmente não terão a proteção, o isolamento de que precisam para que suas mentes e corações possam suportar o que está por vir.

Canalizado pela Banda Schieb.

Fonte: https://messagescelestes.ca
       Em 05 de julho de 2021.

1. Compartilhe com ética, postando o texto na íntegra e mantendo todos os créditos do Projeto Ascensão Planetária: http://ascensaoplanetaria.com.br
2. Youtube = Ascensão Planetária
3. Instagram = @ascensaoplanetaria
4. Telegram = Grupo de Estudos
5. Facebook = Grupo no Facebook

Tags: | |

Sobre o Autor

Annah Ananda
Annah Ananda

"É melhor conquistar a si mesmo do que vencer mil batalhas". BUDA

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


  1. Ué, essa canalização é da Vânia do canal anjos e luz, não de Banda Shiev 🤨 aliás, é uma canalização de alguns meses atrás